Sexta, 07 de Maio de 2021
34 9 9697-4985
Saúde Saúde

Como repor a vitamina D durante a quarentena?

.

24/03/2021 14h19
26
Por: Redacao Fonte: Minha Saúde
Minha Saúde
Minha Saúde

Em meio à quarentena ocasionada pela pandemia do coronavírus, surge mais uma preocupação em relação à saúde. Passando tanto tempo dentro de casa, como vamos nos expor ao sol e manter as concentrações adequadas de vitamina D no sangue? Apesar de ser a mais famosa fonte deste nutriente, o sol não é a única forma de obter vitamina D, conforme explicou a especialista em Nutrição da PROTESTE, Fernanda Taveira, em mais uma live da série Tête-à-Tête com a PROTESTE, realizada na quarta-feira (01/04), no Instagram da associação.

“Nem todo mundo possui uma varanda ou um quintal para tomar sol durante esse período. Porém, isso não precisa ser motivo para preocupação. Podemos alcançar a recomendação diária de vitamina D por meio da alimentação”.

A nutricionista explicou que a vitamina D está relacionada ao fortalecimento imunológico, portanto, é fundamental para o organismo, especialmente neste momento. 

Mas quais alimentos são fonte de vitamina D?

De acordo com Fernanda, os alimentos que contém o nutriente são eles os peixes, como salmão, sardinha, atum, o óleo de fígado de bacalhau, cogumelos e os ovos”. O nutriente também é encontrado em produtos fortificados, como os cereais, margarina, iogurtes e o leite. Por isso, é importante olhar o rótulo dos produtos no mercado. 

Fernanda ressaltou, no entanto, que não há comprovações de que a vitamina D tenha alguma relação com a prevenção e o tratamento do coronavírus. “Não há estudos científicos sobre isso. O que sabemos é que ela é tão importante quanto os outros nutrientes (zinco, selênio, vitaminas A, C, e E). O que sabemos é que o estado nutricional adequado de vitamina D previne gripes, resfriados e infecções do trato respiratório”.

Como evitar comer demais durante a quarentena?

Outra questão que vem assombrando muitas pessoas durante a quarentena é a alimentação em excesso, decorrente da ansiedade ocasionada pela pandemia. Para ajudar a reduzir a gula, ela recomenda alimentos relacionados à imunidade, que também contribuem para a redução da ansiedade. “Além disso, a sugestão é fazer escolhas que ajudem a aumentar a serotonina, como banana com aveia”.

É importante beber água, mesmo antes de sentir sede. Tenha o hábito de manter sempre uma garrafinha de água por perto.

Fernanda também dá a dica de não comprar alimentos calóricos e gordurosos. “Se você não comprar quando for ao mercado, não vai ter como comê-los quando bater a gula”.

Para fortalecer a imunidade e ajudar na saciedade, a água também é um fator fundamental. “É importante beber água, mesmo antes de sentir sede. Tenha o hábito de manter sempre uma garrafinha de água por perto, seja assistindo televisão ou trabalhando, para não esquecer de beber. Outra dica é colocar pedaços ou cascas de frutas para dar sabor e adicionar nutrientes”.

Boa alimentação contra o coronavírus

A COVID-19 é uma doença que tem um maior impacto em pessoas com doenças crônicas, mas também pode ser perigosa para quem simplesmente está com a imunidade baixa. E como a boa alimentação é fundamental para uma boa saúde, a PROTESTE preparou um guia para você manter uma alimentação saudável durante a quarentena, inclusive com dicas para você organizar o seu cardápio e o preparo das refeições.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Iturama - MG
Atualizado às 02h00 - Fonte: Climatempo
21°
Poucas nuvens

Mín. 17° Máx. 29°

21° Sensação
19.6 km/h Vento
62.3% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (08/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 31°

Sol com algumas nuvens
Domingo (09/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 31°

Sol com algumas nuvens
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias